conecte-se conosco

Resenhas

RESENHA: Stranded (2013)

Publicados

em

stranded-art
Por Júlio Cesar Carvalho
Antes de tudo, quero justificar o porque de eu ter teimado em assistir essa tosqueira. Além de ser um Sci-Fi de horror, o poster é legal e tem uma sinopse que parece ser boa: “Quatro astronautas isolados à bordo de uma nave espacial bio-cúpula, presenciam uma intercessão fantasmagórica após uma misteriosa tempestade de meteoros, levando à paranoia, medo e morte.” Legal, né? Não mesmo!
Vou contar mais ou menos o desenrolar inicial do filme só pra vocês terem ideia. O filme começa a rolar, apresenta a tal estação lunar, os quatro astronautas (três cuecas e uma mulher feinha) e com uns 5 minutos já começa uma chuva de meteoros que destroi boa parte da instalação pondo em risco a vida dos nossos heróis. Até aí, beleza… Mas eles inventam de coletar fragmentos desses meteoros e descobrem uns esporos orgânicos no núcleo da pedra. Os dois cientistas da equipe, um cara e a moça vão fazer os testes, obviamente. Num descuido, ela acaba se cortando e se infectando, mas esconde esse fato. Daí vocês já imaginam a merda que vai dar, né?
Fora isso, o elenco é medíocre. O espantoso não é nem o fato de ter Christian Slater, mas sim dele ainda ser chamado para o papel principal como capitão da nave. Nem preciso dizer que a atuação dele é ridícula, né? Mas o roteiro e a direção também não ajudam nem um pouco.
STRANDED-Image-02 (1)
O filme é de baixo orçamento. Isso é notório logo nos primeiros minutos quando é mostrada a estação lunar. Não só é óbvio que é uma maquete, mas que se tivesse sido feita de Lego seria mais bem feita. Rola até uns CGIs bonitinhos nas interfaces dos equipamentos e os efeitos gores são regulares.
Na verdade, o suspense é zero. A ameaça é ridícula e o andar do filme é muito chato graças ao diretor: Roger Cristian. Esse cara é nada mais nada menos que o diretor daquele filme horrível, com John Travolta, chamado: A RECONQUISTA. Mas em minha defesa aviso logo que eu só descobri isso depois que pesquisei sobre ele.
Enfim, eu não vou contar mais pois se você for assistir, é por sua conta e risco. Mas reforço: A direção é ruim. Não há efeitos, apenas defeitos. As atuações são inexistentes e a sinopse mente. Fique longe dessa tosqueira.


Mas se quiser boas dicas de filmes de terror envolvendo o espaço sideral, a melhor pedida é ouvir este programa:
[soundcloud url=”http://api.soundcloud.com/tracks/75169944″ params=”” width=” 100%” height=”166″ iframe=”true” /]

Gosta de nosso trabalho? Então nos dê aquela forcinha contribuindo através do PicPay ou em nossa campanha no APOIA.se!

Anarquista, quase cinéfilo, diretor de arte, fotógrafo, cervejeiro, rockeiro doido e crítico/podcaster do Toca o Terror

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Resenhas

RESENHA: O Homem nas Trevas (2016)

Publicados

em

homemnastrevas_3

[Por Felipe Macedo e Jarmeson de Lima]

O diretor Fede Alvarez, retorna com seu novo trabalho, após ser descoberto pelo diretor Sam Raimi e juntos terem realizado o remake do clássico “Evil Dead – A Morte do Demônio“. O novo trabalho em questão é “O Homem nas Trevas” (Don’t Breathe), mais uma vez produzido pelo seu tutor hollywoodiano. O longa vem como desafio e servirá para provar se o diretor uruguaio seria realizador de um filme só ou se terá vida própria dentro da sétima arte. (mais…)

Gosta de nosso trabalho? Então nos dê aquela forcinha contribuindo através do PicPay ou em nossa campanha no APOIA.se!

Continue lendo

Resenhas

RESENHA: Os 3 Infernais (2019)

Publicados

em

Os 3 Infernais

[Por Geraldo de Fraga]

Rob Zombie confia demais no carisma dos seus personagens. Ele já deve ter ouvido muito por aí que seu filme mais elogiado pelo público é Rejeitados pelo Diabo (2005). E isso provavelmente fez com que o rockeiro diretor se animasse para voltar a esse universo em mais uma empreitada cinematográfica, agora fechando a trilogia começada em A Casa dos 1000 Corpos (2003). (mais…)

Gosta de nosso trabalho? Então nos dê aquela forcinha contribuindo através do PicPay ou em nossa campanha no APOIA.se!

Continue lendo

Resenhas

RESENHA: A Torre Negra (2017)

Publicados

em

A Torre Negra

[Por Felipe Macedo]

Stephen King é um dos dos autores mais adaptados do cinema e em meio a tantos filmes, a maioria é de qualidade duvidosa. Poucos são os que merecem ser dignos de menção. O novo longa baseado em sua obra é inspirado na série de livros A Torre Negra e que de acordo com o próprio King bebe da fonte de Tolkien na construção do universo e criaturas fantásticas. (mais…)

Gosta de nosso trabalho? Então nos dê aquela forcinha contribuindo através do PicPay ou em nossa campanha no APOIA.se!

Continue lendo

Trending