conecte-se conosco

Sem categoria

DICA DA SEMANA: Um Longo Fim de Semana (1978)

Publicados

em

[Por Jota Bosco]

Minha dica da semana é um filme sobre um casal em crise que decide passar o final de semana em uma afastada praia. Em seu retiro, saem causando “incidentes” ecológicos como atropelar um inocente canguru, iniciar um incêndio e sair espalhando lixo por onde passam. Conclusão? Se a Mãe Natureza é vingativa, na Austrália, então, nem se fala!

Tem como não achar fascinante um filme que começa meio como “Amargo Pesadelo” e vai virando algo tipo “Os Pássaros“? “Um Longo Fim de Semana” (Long Weekend), obra dirigida por Colin Eggleston, com o roteiro de Everett De Roche (do ótimo “Razorback“, entre outros) é exatamente isso: fascinante. Fotografia certeira, desenho de som sensacional, tudo trabalhando junto para um clima de crescente tensão e rancor, seja da parte do casal ou dos animais, onde tudo pode ser uma ameaça.

Um Longo Fim de Semana” surgiu em uma época de filmes como “Kingdom of the Spiders” (1977), “Frogs” (1972) e “Night of the Lepus” (1972), onde os humanos sofrem as consequências do uso irresponsável de agrotóxicos, hormônios, da destruição da camada de ozônio e mostra uma forma bem mais particular e “pessoal” de vingança da natureza. Serviu e serve de inspiração para diversos filmes, inclusive para o ótimo “Pazúcus: A Ilha do Desarrego“, do Gurcius Gewdner, que tivemos o prazer de exibir em uma das sessões do Cineclube Toca o Terror.

Mas deixa eu contar o principal motivo de recomendar essa obra além do que citei acima: o que me conquista nesse filme é o fato de apesar de estarmos acompanhando dois indivíduos um tanto repulsivos e egoístas, findamos ficando apreensivos por sua segurança. É pensar “Isso nos deixa mais humanos?”

Assistam logo porque têm poucos links ativos no YouTube com ótima qualidade, apesar das legendas um tanto macarrônicas mas que também não atrapalham) e logo mais poderão ser derrubados. Mas caso você seja cadastrado na Darkflix, pode assistir lá sem aperreio.

Continue lendo
Clique para comentar

1 comentário

  1. Blog Toca o Terror

    22 de agosto de 2019 a 18:52

    Como anunciado, o vídeo foi derrubado. Achamos um novo link (com legendas em espanhol) aqui: https://ok.ru/video/283025148482

    • Wagner Andrade

      1 de setembro de 2019 a 13:12

      Consegui uma cópia muito boa no mercado livre em filmes raros.

      • Wagner Andrade

        1 de setembro de 2019 a 13:13

        E com legendas pt-br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem categoria

LISTA: Filmes que se passam no Halloween mas que não são da franquia Halloween

Publicados

em

Saindo um pouco do convencional com uma lista de cinco filmes recentes de terror que se passam em dias como este



“Festa Assassina” (Murder Party)
Em uma clássica comédia de terror, onde a pessoa errada vai pro lugar errado na hora errada, encontramos Chris, um típico sujeito qualquer que se depara com um convite de uma festa de Halloween na rua e resolve encarar a diversão. Chegando lá no local, descobre da pior maneira que a festa é apenas para os caras que querem se divertir com sua presença em um tipo de performance doentia. Rápido e divertido, o filme dosa bem a violência e o humor em um roteiro inusitado.
(mais…)

Continue lendo

Sem categoria

DICA DA SEMANA: Lemora, O Pavor do Além (1973)

Publicados

em

Lemora

[Por Jota Bosco]

Uma angelical garota de 13 anos chamada Lila Lee (Cheryl Smith), passa a ser criada por um pastor (o diretor do filme, Richard Blackburn) após sua mãe ser assassinada brutalmente por seu pai, um gangster que agora se encontra foragido. Após receber uma carta informando que seu pai se encontra terrivelmente doente, a jovem decide fugir em busca de seu paradeiro. (mais…)

Continue lendo

Sem categoria

DICA DA SEMANA: Trilogia do Terror 2 (1996)

Publicados

em


[Por Osvaldo Neto]

O grande Dan Curtis pode não ser um nome tão lembrado pela atual geração dos fãs de terror, mas o sujeito foi um dos maiores responsáveis, junto a gente como Rod Serling e Curtis Harrington, pela revitalização desse gênero na TV nos anos 60 e 70. (mais…)

Continue lendo

Trending