conecte-se conosco

Dicas

DICA DA SEMANA: A Noiva Possuída (2013)

Publicados

em

Noiva Possuída

[Por Jarmeson de Lima]

Já cansamos um pouco de ver filmes relacionados a exorcismo e possessão no cinema de horror ocidental com suas fórmulas batidas e finais previsíveis. Sendo assim, fiquei surpreso em ver no catálogo da Netflix Brasil um filme turco chamado “A Noiva Possuída” (Dabbe 4 – Cin Çarpmasi), que apresenta um caso misterioso que supostamente ocorreu há alguns anos em uma pequena aldeia chamada Kıbledere.

Ebru, uma psicóloga e pesquisadora de fenômenos sobrenaturais, fica na cola de Faruk, um curandeiro conhecido no interior da Turquia que cuida de tirar ‘encostos’ nas casas de família. Sempre cética e suspeitando de possíveis armações de Faruk, a pesquisadora toma conhecimento de um problema que aconteceu com uma mulher chamada Kubra que aparentemente surtou devido a um contato com demônios durante sua cerimônia de casamento, ocasionando a morte de seu esposo. E como nenhum dos protagonistas conhecia a família envolvida, Ebru decide desafiar o curandeiro a resolver esse caso in loco registrando o que virá desta tentativa de exorcismo.

Ah, o detalhe é que tudo isso é registrado em primeira pessoa no velho e conhecido estilo found-footage. A princípio isso pode parecer batido pela estética e tal, mas… estamos aqui lidando com fenômenos ocultos na cultura árabe, onde os rituais de exorcismo também não são iguais aos que estamos acostumados.

Ao longo do filme, vamos descobrindo pouco a pouco as motivações dos espíritos, que na verdade são djins que se apossam do corpo de suas vitimas como vingança de algo ou alguém. Vale destacar que as cenas mais tensas do longa estão nos rituais de exorcismo com um grau de imprevisibilidade que vai além do mero susto e jump scare.

A Noiva Possuída” é a quarta produção de uma série de filmes do diretor Hasan Karacadag que apresenta histórias de teor similar e que fizeram bastante barulho em seu país de origem. O aspecto de estranheza da narrativa reforçado pela fotografia suja compensa a duração de pouco mais de duas horas desta produção.

Continue lendo
Clique para comentar

1 comentário

  1. Mauricio Nascimento

    18 de Maio de 2019 a 19:27

    Filme muito bom!!! Poderiam disponibilizar todos os filmes da série Dabbe, e mais turcos!!!!

  2. Pedro Francisco

    18 de Maio de 2019 a 20:00

    Olá, tudo bem equipe Toca o Terror?

    Acontecerá uma nova edição do Medonho esse ano?

    Abraços e sucesso ao site!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dicas

DICA DA SEMANA: Hanyo, a Empregada (1960)

O cinema sul-coreano de horror é um dos melhores do mundo. E não é de hoje…

Publicados

em

Hanyo

Após a grande vitória de Parasita no Oscar 2020, os olhos do público admirador da sétima arte se voltaram para a Coreia do Sul. E aproveitando esse barco, minha dica de semana é um filme de 1960 chamado “Hanyo, a Empregada“, considerado o “Cidadão Kane” coreano pelo diretor Bong Joon-ho. (mais…)

Continue lendo

Dicas

DICA DA SEMANA: O Exército do Extermínio (1973)

Publicados

em

Exército do Extermínio

Quando se fala que George A. Romero não fez só ‘filmes de zumbi’, as primeiras produções que vêm à mente são os famosinhos Martin, Instinto Fatal e A Metade Negra, além da clássica antologia Creepshow: Arrepio do Medo. Mas lá em 1973, somente cinco anos após A Noite dos Mortos-Vivos, Romerão lançava outra obra totalmente politizada. (mais…)

Continue lendo

Dicas

DICA DA SEMANA: The Dead Next Door (1989)

Publicados

em

Dead Next Door

[Por Júlio Carvalho]

Estava eu zanzando pela internet procurando algo pra indicar nesse fim de semana até que lá no YouTube acabei encontrando, na íntegra, esta belezura chamada THE DEAD NEXT DOOR, clássico do Home Video do fim dos anos 80, que marcou bastante a época de ouro das vídeo locadoras. (mais…)

Continue lendo

Trending